quinta-feira ,23 janeiro 2020
Home / MMA internacional / Brasileiro conquista grande vitória e se torna o primeiro campeão peso-médio do BRAVE Combat Federation

Brasileiro conquista grande vitória e se torna o primeiro campeão peso-médio do BRAVE Combat Federation

Brasileiro conquista grande vitória e se torna o primeiro campeão peso-médio do BRAVE Combat Federation; saiba

Foi uma noite inesquecível para Daniel “Gaúcho” Pereira Souza. O brasileiro escreveu seu nome na história do MMA ao se tornar o primeiro campeão peso-médio da história do BRAVE Combat Federation. Na luta principal do BRAVE CF 31, realizado no último sábado (7), na África do Sul, Daniel brutalizou o dono da casa Chad Hanekom e o nocauteou no segundo round, virando o mais novo brasileiro campeão do BRAVE e seguindo os passos de Cleiton “Predador”, Lucas “Mineiro” e do seu companheiro de equipe Luan “Miau” Santiago.

Com um estilo de defesa de quedas sólido e partindo para a trocação franca, “Gaúcho” chegou a estar em apuros no primeiro assalto, quando Hanekom avançou para as suas costas. Porém, o brasileiro soube ter calma, conseguiu sair da posição ruim e ainda atordoou Chad no fim do round inicial.

No segundo assalto, o pupilo da CM System partiu pra cima com violência e rapidamente conquistou o nocaute que o coloca na história do BRAVE CF. Após a luta, ele já aceitou o desafio de Mohammad Fakhreddine, que tem tudo para ser seu primeiro adversário em futura disputa pelo cinturão peso-médio.

Além de Daniel, outros nocautes brutais tomaram conta da noite. Na presença de Cris Cyborg, embaixadora do BRAVE CF, alguns dos principais atletas do plantel da companhia deram show. Casos de Amin Ayoub, que finalizou Djamil Chan com uma guilhotina, e Kevin Ruart, que nocauteou brutalmente Ibrahim Mane.

RESULTADOS COMPLETOS:

BRAVE CF 31
Durban, na África do Sul
Sábado, 7 de dezembro de 2019

Card principal
Daniel Souza derrotou Chad Hanekom por nocaute técnico no 2R
Dansheel Moodley derrotou Anton Larsson por decisão unânime dos jurados
Amin Ayoub finalizou Djamil Chan com uma guilhotina no 3R
Mizwandile Hlongwa derrotou Jeremy Smith por decisão unânime dos jurados
Kevin Ruart derrotou Ibrahim Mane por nocaute no 3R

Card preliminar
Tariq Ismail derrotou Cedric Doyle por decisão unânime dos jurados
Abdul Hussein finalizou Martin Debeer com um ninja choke no 1R
Nkosi Ndebele derrotou Ian Cleary por decisão unânime dos jurados
Jason Culverwell finalizou Dimitri Fogg com um triângulo no 2R
Eleizer Kubanza derrotou Matt Raynard por nocaute no 3R

Você pode Gostar de:

Presidente do UFC garante que Dominick Reyes dará trabalho para Jon Jones: ‘Luta enorme’

Jon Jones ainda não sabe o que é perder para um lutador dentro do octógono …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *