sábado ,14 dezembro 2019
Home / MMA internacional / Francimar Bodão finaliza e passa em primeiro para os playoffs dos pesos-pesados no PFL

Francimar Bodão finaliza e passa em primeiro para os playoffs dos pesos-pesados no PFL

A Professional Fighters League (PFL) realizou a sua quarta edição nesta quinta-feira e o ex-Ultimate Francimar Bodão foi um dos principais destaques do evento. Ainda pela temporada regular do torneio que tem formato inspirado nas ligas americanas, o brasileiro finalizou Jack May no primeiro assalto, somou mais seis pontos e garantiu a liderança entre os pesos-pesados (até 120kg) para ir aos playoffs da competição.

Ainda pelos pesados, Philipe Lins nocauteou Alex Nicholson no primeiro round, chegou aos oito pontos, subiu para o terceiro lugar e garantiu a classificação para os playoffs também. Árbitro central, Dan Miragliotta foi criticado neste confronto por ter interrompido de forma precoce o duelo, após Nicholson sofrer knockdown, mas ainda estar se defendendo.

Mas nada se compara ao erro do próprio Miragliotta no duelo entre Alexandre Capitão e Steven Siler, pelo peso-pena (até 66kg). O americano encaixou uma guilhotina logo no início do confronto, mas o brasileiro se defendia. Sem que ele apagasse ou batesse em desistência, o árbitro determinou o fim da luta e irritou os dois atletas, que reclamaram da decisão. Apesar disso, Capitão está classificado para os playoffs.

O outro brasileiro dos penas, Marcos Loro, ex-campeão do Bellator, foi nocauteado por Max Coga no terceiro assalto e está eliminado da competição, já que também foi superado em sua estreia no PFL.

Confira os resultados do PFL 4:

CARD PRINCIPAL
Lance Palmer venceu Jumabieke Tuerxun por finalização aos 3m43s do R3
Andre Harrison venceu Nazareno Malegarie por decisão unânime (triplo 30-27)
Francimar Bodão venceu Jack May por finalização aos 1m36s do R1
Steven Siler venceu Alexandre Capitão por finalização aos 34s do R1
Philipe Lins venceu Alex Nicholson por nocaute técnico aos 3m39s do R2
CARD PRELIMINAR
Kelvin Tiller venceu Jared Rosholt por finalização aos 54s do R2
Timur Valiev venceu Bekbulat Magomedov por decisão unânime (triplo 30-27)
Max Coga venceu Marcos Galvao por nocaute técnico aos 2m19s do R3
Josh Copeland venceu Shawn Jordan por decisão unânime (triplo 29-28)
Valdrin Istrefi venceu Daniel Gallemore por nocaute técnico aos 1m42s do R2

Fonte Canal Combate

Você pode Gostar de:

Cotado para voltar em 2020, Marreta fala sobre recuperação e expectativa por nova disputa de título: ‘Estou com fome’

  Derrotado por Jon Jones na decisão dividida em disputa de título que aconteceu no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *